fbpx

Biden ordena bombardeio contra milícias iranianas na Síria

Os Estados Unidos bombardearam vários locais com presença de milícias pró-iraniana na Síria, nessa 5ª feira (25.fev.2021). Esse foi o 1º ataque sob a administração Joe Biden.

Segundo o Pentágono, o bombardeio foi uma retaliação aos recentes ataques de foguetes contra tropas norte-americanas no Iraque.

 

“Sob as instruções do presidente Biden, as forças militares dos EUA realizaram nesta noite ataques aéreos em infraestruturas usadas por grupos militantes apoiados pelo Irã no leste da Síria”, disse o Pentágono, em comunicado.

 

O alvo do ataque, segundo o porta-voz John Kirby, era um posto de controle de fronteira usado por grupos armados iraquianos apoiados pelo Irã, incluindo Kataeb Hezbollah e Kataeb Sayyid al-Shuhada.

O bombardeio ocorreu após 3 ataques de foguetes a instalações localizadas no Iraque que são usadas pelos EUA no combate ao Estado Islâmico.

Os ataques no Iraque por grupos suspeitos de operar sob a liderança do Irã foram um desafio à nova administração de Biden, em um momento em que abre as portas para retomar as negociações com Teerã sobre seu programa nuclear.

O governo dos EUA diz que quer voltar ao acordo de 2015, do qual o ex-presidente Donald Trump saiu em 2018.

Fonte: Poder 360

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *